Futuro diácono: conheça mais sobre a história de Anderson Sousa Lima

Evandro Marques / Pascom Diocesana

09/11/2021

No próximo dia 8 de dezembro (quarta-feira), a Diocese de Presidente Prudente tem a graça de celebrar a Santa Missa de Ordenação Diaconal de Anderson Sousa Lima. O seminarista, de 25 anos, receberá o sacramento da Ordem, no grau do diaconato, por meio da imposição das mãos de Dom Benedito Gonçalves dos Santos, atual bispo diocesano.

História

Anderson Sousa Lima nasceu em Presidente Prudente (SP) no dia 9 de abril de 1996. Morou grande parte da sua vida na cidade de Emilianópolis (SP). É o filho único de Joseilson Lima e Juliana Sousa Cabral Lima.

Anderson com seus pais na Igreja Matriz de Emilianópolis no dia do rito de Admissão aos Candidatos a Ordem Sacra (Anderson Lima / Cedida)

Ele conta que na sua infância brincava de celebrar missa na casa da avó e que ela foi umas das responsáveis por despertar sua vocação, sempre fazendo questão de levá-lo a Igreja. “Desde de muito novinho, senti o desejo de ser padre. Costumo assegurar que Deus plantou a semente em meu coração através do exemplo e testemunho de minha avó materna. ”

Padre Altino junto com os pais de Anderson no dia do seu batizado, 08/12/1996 (Anderson Lima / Cedida)

Anderson foi coroinha por dez anos na Igreja de origem, Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Emilianópolis (SP). Sempre ajudava o sacerdote nas missas na matriz e nas capelas rurais do município.

“Íamos cantando, rezando o terço, era muito gostoso fazer tudo isso todos os dias. Em cada Santa Missa que participava, achava bonita a imagem do padre celebrando e nem podia imaginar a grande responsabilidade que significava tudo aquilo”, destaca o jovem.

Anderson conta ainda que foi trocando ideias com o monsenhor Expedito Pereira Cavalcanti e com os seminaristas, que conhecia nos encontros vocacionais, que não teve mais dúvidas de que sua vida seria plenamente realizada se ele se consagrasse a Deus.

Ingresso no Seminário

No final do ano de 2011, o jovem toma a decisão de ir para o seminário. “Depois de ter refletido bastante sobre minha trajetória, conversei com os meus pais sobre essa decisão e logo pude perceber que eu não estava sozinho, pois eles me deram e ainda me dão o total apoio para seguir o que sempre me fez feliz”, afirma Anderson.

Os estudos no Seminário Diocesano Nossa Senhora Mãe da Igreja em Presidente Prudente (SP) começaram no dia 29 de janeiro de 2012. O seminarista conta que durante todo o período foi se doando e recebendo o sustento e a força de Deus para prosseguir.

Anderson Lima durante sua passagem no Seminário Menor (Anderson Lima / Cedida)

“A cada dia fui renovando em meu coração o mais profundo amor por Cristo e, como seminarista, pude ir vivendo a alegria de amar e entregar a minha vida pela Igreja”, destaca.

Três anos depois, em 2015, entrou para o Seminário Provincial Sagrado Coração de Jesus em Marilia (SP), onde cursou Filosofia. Em 2018, foi morar no Instituto Teológico Rainha dos Apóstolos e deu início a faculdade de Teologia. Mudou-se novamente para o Seminário Sagrado Coração de Jesus em 2019. Neste ano, se formará em teologia no final de novembro. Ambos os cursos foram feitos na Faculdade João Paulo II de Marília (SP).

Anderson com amigos seminaristas e padre durante o Seminário Maior (Anderson Lima / Cedida)

Sacerdócio

Na visão de Anderson, o presbítero é aquele que faz a ligação do humano com o divino. “O padre para o mundo, é ou pelo menos deveria ser, o mediador entre Deus e as pessoas. O padre deve ser aquele que aponta o caminho do bem para todos em nome de Cristo e da Igreja, evangelizando e se deixando evangelizar. ”

Anderson Lima servindo ao lado do bispo diocesano (Anderson Lima / Cedida)

Sobre o futuro sacerdócio, o seminarista diz que a comunidade pode esperar por um padre que zelará pelo seu rebanho. “Um servo do Senhor que com paciência e sabedoria, buscará sempre cultivar a sensibilidade para escutar, dar atenção, procurando saber o que está acontecendo para ajudar as pessoas a se fortalecerem pela fé, suscitando coragem para enfrentar as dificuldades. ”

Vida pessoal

Anderson conta que nas horas vagas gosta de se dedicar a fazer pinturas em telas, ler, tomar tereré e estar com os amigos.

O seminarista conta que seu hobby é fazer pinturas em tela (Anderson Lima / Cedida)

Ele conta ainda que seu maior sonho é “ser um pouco do que Deus sempre desejou para mim”.

– Um prato favorito? Pizza

– Uma cor? Azul

– Um lugar? Igreja

– Uma pessoa? Monsenhor Expedito

– Um medo? De não fazer o bem

– Um ídolo? Deus

– Um sentimento? Gratidão

Serviço

A Santa Missa de Ordenação Diaconal ocorrerá no dia 8 de dezembro, às 19h30, na Paróquia Nossa Senhora Aparecida em Emilianópolis (SP). O lema de sua ordenação é “Eis a graça que o Senhor me fez, quando lançou os olhos sobre mim” (Lc 1,25).

Deixe seu comentário!

Onda Viva